Visitando a Quinta do Bonfim na Região do Douro

Depois de conhecer onde os vinhos são envelhecidos, nada como conhecer a origem de tudo na Região do Douro, uma das regiões produtoras de uvas mais antigas e com maior quantidade de regras no mundo. A Quinta do Bonfim está localizado no coração do Alto Douro, a cinco minutos de caminhada da estação de trem de Pinhão.
A família Symington é proprietária de 27 quintas (vinhedos) na região do Alto Douro que produzem uvas para as suas marcas Graham’s, Cockburn’s, Dow’s, Warre’s e Quinta do Vesúvio.
pt-es_2016_0847
Na área de visitação, já na sala de recepção, existe uma pequena exposição contando um pouco sobre a história de produção de vinhos na região do Douro. Aqui a maquete de um barco que costumava transportar os barris de vinho até a Vila Nova de Gaia no Porto. Era uma aventura por conta das fortes correntezas do rio Douro neste trecho.
pt-es_2016_0845
A Quinta do Bonfim  possui 76.9 ha que contribuem para a produção de vinhos do porto Dow’s. Nessa região com declividades que chegam a mais de 30% e temperaturas variam de -2°C a 42°C, a colheita é feita manualmente, exatamente por conta dos terrenos inclinados.
pt-es_2016_0854
As videiras estavam carregadas e maduras, pois estávamos próximo da época de colheita. Uma delícia, super doce! Quem sabe um dia ainda participo de uma colheita.
pt-es_2016_0851
A família Symington até hoje produz vinho à moda antiga com pisa humana, como é o caso do vinho Quinta do Vesúvio, mais um motivo pela qual escolhi para comprar e guardar por um tempo, quem sabe os 10 anos sugeridos, hehe. A imprecisão do método humano dá um certo charme e aumenta a curiosidade no resultado final, que é uma surpresa.
Lembrando que parte da prensa é feita de forma mecânica, com robôs imitando o pisoteio, para dar conta da produção. É muito interessante porque a minha tendência é de acreditar que a produção manual é melhor, mas a máquina, segundo o João que me apresentou a Quinta, permite o melhor controle, tornando o produto mais perfeito, e sendo possível prever melhor o resultado final.
No Alto Douro, a família Symington possui duas importantes vinícolas, a Quinta do Sol em Régua e na Quinta do Bomfim em Pinhão. Aqui o local onde as uvas são prensadas.
pt-es_2016_0848
Durante o processo de produção no Douro, ocorre a mistura de vinhos da região com os que estão em Vila Nova de Gaia. Os vinhos de Vila Nova de Gaia possuem mais aromas  e a mistura permite a evolução mais rápida dos vinhos.
Nas pipas e barris ocorre a oxidação e em até 40 anos os vinhos vão clareando e depois desse período vão escurecendo. É interessante que durante o tempo em pipas e barris, o volume líquido vai diminuindo, em 25 anos perdem 35% do volume, e em 50 anos 60%. Em 100 anos o produto fica denso e meloso.
pt-es_2016_0860
Para fechar a visitação, a degustação de alguns vinhos.
1. Altano Branco 2015 – vinho branco seco, fresco, floral, frutado (frutas tropicais amarelas). Harmoiniza bem com peixes, mariscos, aperitivos e saladas frias.
2. Post Scriptum 2014 – vinho tinto com aromas de frutas negras do bosque, ameixas pretas e tanino elegante. Harmoniza bem com carnes brancas e peixes do mar.
3. Quinta do Vesúvio 2012 – vinho tinto, aroma de frutas silvestres e bergamoto, cheiro de baunilha intenso, toque mineral, envelhecido em carvalho francês novo. Harmoniza bem com vitelo, cabrito, outras carne vermelha em geral e queijos fortes.
4. Dows LBV 2011 – vinho do porto considerado um dos melhores ano no Douro, tem aroma de frutas negras, cerejas, ameixas pretas, mirtillo, cacau amargo, e tem final seco, apimentado. Harmoniza bem com bolo de chocolate amargo, e queijos fortes como o Blue Cheese.
5. Dows 20 anos – vinho do porto, aroma de frutas secas, caramelo, só que muito mais suave e seco comparado à linha Graham’s, mas não tem a mesma intensidade. Harmoniza bem com pratos à base de ovos.
6. Vintage Dow’s Quinta do Bonfim 2005 – vinho do porto, não é de um ano clássico e tem capacidade de envelhecer mais uns 15 anos. Vem aroma de frutas vermelhas do bosque maduras, cassis, toque floral e final seco e apimentado.
7. Vintage 1985 Dows – vinho do porto com aroma de compotas, bem equilibrado, possui acidez, considerado um dos melhores da década de 1980. Harmoniza bem com chocolates negros, queijos  e pato assado.
pt-es_2016_0862
Pedi para que o João me explicasse um pouco sobre os vinhos do Douro. Segundo ele, vinhos do Douro são mais intensos e complexos e podem ter aceitação mais difícil no mercado. É interessante que os terrenos inclinados permitem a produção de maior complexidade de aromas e sabores. Já os vinhos do Alentejo, por exemplo, são mais adocicados, e pelo fato dos terrenos serem mais planos e a região mais quente, o vinho é mais uniforme.
Foi mais um dia de muitos aprendizados, pena que não consegui passar mais horas por conta do retorno de trem. Definitivamente vale a pena curtir mais tempo, degustando os vinhos com a bela vista do Rio Douro.
Para a visitação é necessário agendamento prévio.

Quinta do Bonfim
Website: https://www.symington.com/news/quinta-do-bomfim
Facebook: https://www.facebook.com/pages/Quinta-Do-Bomfim-Dows-Port/215931858485629?fref=ts
Endereço: Quinta do Bomfim, 5085-060 Pinhão, Alijó, Portugal.
Telefone: (+351) 254 730 370.
Horário de visitação:
– 1 de Abril a 31 de Outubro: todos os dias das 10:30 às 18h.
– 1 de Novembro a 31 de Março: das 9:30 às 17h.
– Fechados nas seguintes datas: 25 de Dezembro, 1 de Janeiro e dias 22 e 23 de Fevereiro para treinamento da equipe.

Anúncios

Uma ideia sobre “Visitando a Quinta do Bonfim na Região do Douro

  1. Pingback: Visitando a Quinta do Bonfim na Região do Douro — Spoon Experiências Gastronômicas | Ricardo Trevisan

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s