Arquivo mensal: agosto 2014

Finalmente Mocotó Restaurante!

Nem tenho mais noção de quanto tempo faz que estava com vontade de conhecer o Mocotó do chef Rodrigo Oliveira, não só pela fama e inúmeros prêmios, mas também pela indicação de todos os amigos que já haviam visitado o estabelecimento.
Uma dificuldade grande para mim sempre foi a distância. Zona Norte para mim é quase outra cidade, hehehe. Não deu outra, no domingo passado resolvemos finalmente almoçar, saímos 11h e chegamos uma hora depois (isso porque era domingo!).  A previsão de espera era de 2 horas e meia, sinceramente, quase desistimos.
Bem, já que resolvemos ficar, que venha a famosa caipirinha! Resolvi pegar um diferente – Cajá com tangerina e manjericão. Delicioso, e perfeito para o dia ensolarado que estava.
Spoon_AG_2014_377Começamos as beliscadas com o delicioso Queijo-de-coalho com Melado (R$ 29,90). Porção generosa, diga-se de passagem…
Spoon_AG_2014_378Conseguir sentar nos banquinhos de espera chega a ser um prêmio, ainda mais com esse sol de lascar! O jeito foi relaxar e esperar, rs.
Spoon_AG_2014_382De tanto ver sair os torresmos carnudos, não resistimos e pedimos um também. Aqui é bom lembrar que as confusões são comuns entre o torresmo carnudo e o torresmo normal em porção maior. Particularmente não gosto e não consigo comer torresmo, mas esse carnudo é espetacular! Fica a dica, peça o “carnudo”… kkk.
Spoon_AG_2014_383Depois de uma hora e meia, finalmente chamaram o nosso número, 257. Nos levaram até o fundo, local que não era muito recomendado em vários comentários que li. Mas sinceramente, naquele calor e lotação, apesar de não ter o glamour do espaço principal, esse fundinho que mais parecia um puxadinho, estava perfeito com um ventinho delicioso.
Spoon_AG_2014_384Sentamos na mesa logo na saída da cozinha. Apesar de também não ser o local mais glamuroso, para mim é um espaço rico, onde posso observar toda a movimentação da brigada, hehehe.
Spoon_AG_2014_386Agora mais uma caipirinha, de jabuticaba e picolé de açaí, outra delícia…
Spoon_AG_2014_387Vale a pena experimentar a cerveja da casa também.
Já sentados, pedimos o “Carne-de-Sol Assada” – carne-de-sol preparada artesanalmente e servida com manteiga-de-garrafa, alho assado, pimenta biquinho e chips de mandioca (R$ 38,90). Carne deliciosa, combinação perfeita dos componentes deste prato, e o alho? Que delícia!!
Spoon_AG_2014_389Não podia ficar de fora o “Escondidinho de Carne-Seca” – purê de mandioca cremoso com recheio de carne-seca e requeijão e gratinado com queijo-de-coalho (R$ 26,90).
Spoon_AG_2014_392Sente o drama desse Escondidinho…
Spoon_AG_2014_393Para fechar o almoço, “Creme Brullé de Doce de Leite e Umburana” – o famoso doce francês com um toque autoral, inspirado pelo amigo e chef Julien Mercier (R$ 12,90). Equilibrado, e viciante.
Spoon_AG_2014_394Como era por dentro?
Spoon_AG_2014_395O que mais me impressionou, ainda mais por estar na saída da cozinha, foi a consistência dos pratos. Todos saindo rapidamente da cozinha e absolutamente impecáveis. Apesar de ser uma comida simples, é possível sentir o toque de requinte nos pequenos detalhes. Definitivamente virei fã do chef Rodrigo Oliveira. Lindo trabalho!
Aqui fica o registro da área principal, com decoração bem bacana.
Spoon_AG_2014_397Até achamos que havia um horário mais tranquilo, e que poderíamos voltar uma hora dessas, pois duas mesas atrás de nós ficaram vazias por um bom tempo. Mas quando saímos, percebemos que a espera não melhora no decorrer do dia. A fila continuava grande…
Spoon_AG_2014_399Confesso que não será tão fácil assim voltar, pela distância e tempo de espera, mas o Mocotó deixa um gostinho de quero mais…

Mocotó Restaurante
Website: http://www.mocoto.com.br/index.html
Endereço: Av Nossa senhora do Loreto, 1100, Vila Medeiros, São Paulo, SP
Telefone: (11) 2951-3056
Horário de funcionamento: Segunda à sábado das 12 às 23h; Domingos e feriados das 12 às 17h.

18° Festival de Lamen de Hokkaido!

Hoje, 17 de agosto, ocorreu na Associação Hokkaido de Cultura e 18° Festival de Lamen de Hokkaido. O evento estava marcado para começar às 11h, no entanto, 15 minutos antes, quando cheguei, já estavam mais de 40 pessoas na minha frente. Aqui a foto da entrada do Associação Hokkaido que eu ainda não conhecia.
Spoon_AG_2014_355Em pouco tempo, a fila ia crescendo horrores. Logo pensei, muito japa chegar antes de começar o evento, considerando também que é bem cedo para um almoço de domingo, né! Sinceramente, achei que iria pagar o maior mico chegando cedo demais… sqn…hehehe.
Primeiramente pegamos a fila das fichas, e o alerta importante da Soninha, compra tudo que irá consumir, porque a fila tá braba, rsrs.
Spoon_AG_2014_357Finalmente chegamos na área de distribuição do lamen!! A galera toda empenhada.
Spoon_AG_2014_359Enfim, o nosso lamen tão esperado!! Tava bem gostosinho. A verdade? Sim, parecia lamen daqueles industrializados, quem vem com o caldo meio líquido na embalagem (não o de pozinho), coisa que costumo gostar. Pode não ser gourmet, mas quebra um bom galho. E sinceramente, melhor que muito estabelecimento que vende lamen em São Paulo…
Spoon_AG_2014_360Ainda experimentei o okowa, arroz (mais grudento, com arroz de moti) combinado com variados ingredientes, que podem ser de vegetais ou carnes. Confesso que não sou muito fá de arroz grudento, mas não estava ruim, não, rs.
Spoon_AG_2014_361Para a sobremesa, peguei o anmitsu, um de meus vícios atuais. Claro, bem simples pelo tipo de evento.
Spoon_AG_2014_364Observo que depois de mais ou menos 1h, anunciaram que o lamen estava acabando, tanto que enviei mensagem para o pessoal de casa avisando que não adiantaria virem ao local, caso quisessem comer lamen. A fila para pegar o lamen, a esta altura, estava enorme, dando volta no salão gigante. Quem tinha a ficha estava garantido.
Spoon_AG_2014_362Por isso, fica a dica para eventos japoneses: CHEGUEM CEDOOOOOOOOOOO!!! KKKK
Spoon_AG_2014_363Associação Hokkaido de Cultura
Website: http://www.hokkaido.org.br/
Endereço: Rua Joaquim Távora, 605, Vila Mariana, São Paulo, SP. Próximo ao metrô Ana Rosa.
Telefone: (11) 5084-6422

Sushi: Técnica e Arte, com Masayoshi Kazato

No último dia 3 de Agosto, tive a honra de participar do Seminário “Sushi: Técnica e Arte” com o chef japonês Masayoshi Kazato, proprietário do conceituado restaurante Sakae em Tokyo e Presidente da AJSA Sushi Skills Institute (All Japan Sushi Association).
Anterior a este dia, ocorreu no Tivoli Hotel, da Al. Santos, a palestra sobre Washoku, com o intuito de divulgar a cozinha japonesa, que foi classificada pela UNESCO, em Dezembro de 2013, como Patrimônio Cultura Intangível da Humanidade. Nada mais nada menos que o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe, e membros da MAFF (Ministry of Agriculture, Forestry ans Fisheries) vieram para o evento. Palestras de Masayoshi Kazato, Shinya koike, Alex Atala e Eiji Tomimatsu, foram destaques do dia. Maiores detalhes do evento no Blog da Marisa Ono.
Aproveitando a passagem, o chef Masayoshi Kazato resolveu promover um seminário para um grupo de 60 pessoas da área de gastronimia, na sala de eventos do Sakagura A1, nos proporcionando momentos de muito aprendizado e risadas. O seminário começou com a apresentação de Jo Takahashi.
Spoon_AG_2014_338O seminário foi dividido em dois blocos:
Parte 1 – Preparo do Arroz, características e uso das facas japonesas;
Parte 2 – Preparo do peixe e demonstração com participação do público (sushi e sashimi).
O objetivo do evento era principalmente de apresentar a verdadeira culinária japonesa, e a divulgação das informações pelo público presente.
Temas como a higiene e conservação dos ingredientes foram destaques na apresentação. Particularmente achei muitíssimo importante e interessante. Me fez lembrar também porque a culinária japonesa me encanta tanto. Tudo tem uma razão de ser, nada é por acaso. Quanto mais estudamos, pesquisamos e conhecemos, mais questionamentos surgem, é como um fio infinito que vamos puxando!
Confesso que queria transcrever aqui as minhas 26 páginas de anotações do evento, mas aí acredito que o post ficaria muito maçante, né… Vou ver se vou postando aos poucos, em doses homeopáticas, heheh.
Aqui a apresentação da faca afiada do Masayoshi Kazato nos braços da Érica…
Spoon_AG_2014_326Vai, Érica, confessa que foi legal, vai!
Spoon_AG_2014_327Degustamos um par de sushis, um de salmão e outro de atum.
Spoon_AG_2014_336No final, Masayoshi Kazato ainda apresentou o Sushi Proficiency Certificate, deixando a galera inquieta. O curso para obter o certificado está programado para 2015, já que ainda estão estudando as possibilidades de patrocínio para baratear os custos. Boa notícia, não?
Quem sabe consigo um certificado desses, heim! Com meu nome, é claro!!! hehehe…

Spoon_AG_2014_345Ah, reparem, por favor no detalhe!! Há, tem Ms.!!!!! rsrs
Spoon_AG_2014_344Claro, não podia faltar o momento de tietagem!!
Spoon_AG_2014_340Depois do evento, percebi uma certa insatisfação de algumas pessoas, que queriam muito mais informações técnicas. Acho isso positivo, pois fez com que as pessoas ficassem “inquietas”. Já fui palestrante, já ministrei cursos e sentia sempre uma certa frustração de não conseguir passar TODAS as informações. Mas aprendi que muitas vezes o importante é criar aquela coceirinha de curiosidade em buscar respostas. Na boa, é impossível apresentar todas as técnicas de sushi em 3 horas… ou não???
Depois do evento, resolvemos ficar no restaurante para jantar. No meu caso, queria aproveitar para conhecer o restaurante Sakagura A1 e experimentar os sushis, já que o tema do dia era esse. Aguardando…
Spoon_AG_2014_350E chega o lindo prato de sushis!! Meo deos!!!
Spoon_AG_2014_352Isso sim, foi fechar a noite com chave de ouro!!
Sinceros agradecimentos ao Masayoshi Kazato, palestrante nota 1.000, e ao atendimento do pessoal do restaurante no jantar. Gotisousamadeshita!
Gostaria de deixar um agradecimento especial à Soninha, por sempre me deixar inteirada de eventos como esse, e parabenizar pela participação na organização do seminário!
Por fim, parabéns a todos os responsáveis pela organização do seminário.

Sakagura A1
Website: http://www.sakaguraa1.com.br/
Endereço: R. Jerônimo da Veiga, 74, Itaim Bibi, São Paulo, SP.
Telefone: (11) 3078-3883.
Horário:
Ter a Sex: 12h às 15h e 18:30 às 24h;
Sáb: 12:30 às 16h e 18:30 às 24h;
Dom e feriados: 12:30 às 22:30 (sem intervalo).