Arquivo mensal: julho 2013

Ohashi, o oásis de tentações no Bonfa

Ohashi é uma loja de produtos japoneses no Jd. Bonfiglioli. Quando me mudei para o bairro e comecei a pesquisar o que tinha por perto, e fiquei surpresa com esta loja, com este porte e tão perto de casa. Aliás, é a minha loja preferida do bairro!!!

Spoon_AG_0418Realmente impressiona pela quantidade e variedade de produtos. Saquês, chás…

Spoon_AG_0419Aqueles bolinhos hiper macios que adoro…

Spoon_AG_0420Verdurinhas prontas para consumo, tsukemono, e os rangos que quebram o maior galho naqueles dias que estou quebrada, com vontade de comer comida japonesa ou com muita preguiça – makizushi, yakissoba, bentô… Sim, eu sei preparar sushi, mas tem dia que realmente não dá, ou nem tenho todos os ingredientes, aí já viu, rsrs.

Spoon_AG_0421E claro, não podia faltar o nosso querido e amado Unipão!! Yay!!! Mas atenção, ele costuma chegar nas tardes de quinta-feira e sábado costuma acabar. Então, se quiser mesmo este pão, sugiro que ligue antes para confirmar, kkk.

Spoon_AG_0422Os docinhos – mandjus, motis, yokans…

Spoon_AG_0423Japonices: docinhos e salgadinhos de tudo quanto é tipo, nesse corredor me sinto no Japão, hehe.

Spoon_AG_0424Essas geladeiras também adoro, cheio de pré-preparados. Nikuman, gyoza, shumai, além de outros produtos como cogumelos, tofus, moyashi…

Spoon_AG_0425Essa área também adoro, kareraissu, furikake, otyazuke, mabodofu, lamen… Loucura, loucura! Esse tipo de produto tem que ter sempre estocado em casa para eventuais emergências, hehe.

Spoon_AG_0426

Spoon_AG_0436Gahan!!! Sempre compro aqui.

Spoon_AG_0427Os molhos de várias marcas, adoro essa variedade. Hoje comprei o Toban Djan, semana que vem vou tentar comprar atum fresco para preparar o Tirashi de Maguro com Toban Djan, tuuudo de bom!

Spoon_AG_0428Algas (noris, kombus)…

Spoon_AG_0429Além dos produtos japoneses, também estão disponíveis os produtos naturais, combinação perfeita, não?

Spoon_AG_0430

Spoon_AG_0435Ahá, mais japonices!!! Essas coisinhas muito japonesas, sempre são mega úteis.

Spoon_AG_0431Tem também os tyawans, domburis e cia., inclusive kits que são ótimos para presentes.

Spoon_AG_0433Olha que graça… Muitas tentações!

Spoon_AG_0434Já me perguntaram algumas vezes se não é sempre melhor comprar produtos japoneses na Liberdade. E a minha resposta é que depende. Se for comprar muita, mas muita coisa, talvez compense comprar na Liberdade, mas para compras do dia a dia, acho realmente que não vale a pena ir até a Liberdade, a menos que more por perto. Para aqueles que moram na região do Butantã, ou mesmo aqueles para lá da Raposo Tavares, acho que é bem mais prático, confortável e econômico comprar no Ohashi. Conheço pessoas que frequentam o Ohashi há anos e moram no km 15 da Raposo Tavares.

Fiz várias comparações de preço, e em geral, costuma ser um pouco mais caro, mas lembro que tem muita coisa com mesmo preço e já encontrei coisas mais baratas no Ohashi. Para pessoal da região do Butantã, é preciso pesar fatores como custo do transporte (gasolina/álcool + estacionamento que é caro), estresse do trânsito na região, tumulto de pessoas, mega filas nas lojas da Liberdade nos finais de semana. Eu prefiro fazer compras no Ohashi, por ser muito perto (dá para ir a pé), por ter todos os produtos que sempre preciso, e pelos funcionários que são extremamente atenciosos. Só compro mesmo na Liberdade quando vou fazer algum passeio na região.

Loja Ohashi
Site: http://www.lojaohashi.com.br/
Endereço: Av. Comendador Alberto Bonfiglioli , 687 – Jardim Bonfiglioli 05593-001 – São Paulo. Tels: (11) 3731-4812 / (11) 2679-5644.
Horário de funcionamento: Segunda à Sexta – 8h às 19h / Sábados – 8h às 18h / Domingos e feriados – 8h às 13h.

Ilustres visitas no Kinoshita

Irashaimaseeee!! Esta semana recebi a visita de duas amigas da Academia no Restaurante Kinoshita. É bom demais, né não? Poder preparar comidinhas gostosas para pessoas queridas, tem coisa melhor? Mika e Paty, sempre charmosas!

AmigasGaivota_001

Foto: Lilian Mika Wakao

Aqui sashimis variados e um prato que amo, mini Tirashi de Maguro Toban Jan!

AmigasGaivota_002

Foto: Lilian Mika Wakao

O Shake Yakizakana acompanhado de Gohan, Missoshiru e Tsukemono…

AmigasGaivota_006

Foto: Lilian Mika Wakao

Ah, e não podia faltar o Shake Trufa, salmão com manteiga trufada, ligeiramente maçaricado, yuzo, shoyu da casa… E não é que elas tiraram a foto de todo o processo? hehe

AmigasGaivota_003

Foto: Lilian Mika Wakao

AmigasGaivota_004

Foto: Lilian Mika Wakao

AmigasGaivota_005

Foto: Lilian Mika Wakao

Entre outros, e para finalizar, a sobremesa – Brownie com frutas e o famoso Chocomoti.

AmigasGaivota_007

Foto: Lilian Mika Wakao

Muito grata pela visita, Mika e Paty!

AmigasGaivota_008

Foto: Lilian Mika Wakao

Domo arigatou gozaimashita. Até a próxima, meninas!

AmigasGaivota_011

Foto: Lilian Mika Wakao

A visita de vocês reforçou ainda mais a certeza da mudança de rumo da minha vida. Trabalhar nesta área, e trabalhar no Kinoshita, tem dado um sentido para tudo que passei na minha vida. O vídeo a seguir é dos 5 anos do restaurante, e gostaria de compartilhar com vocês, queridos leitores.

Restaurante Kinoshita
Site: http://www.restaurantekinoshita.com.br/
Endereço: R. Jacques Félix, 405, Vila Nova Conceição, São Paulo. Tels: (11) 3846-7327 / 5318-9014.
Horário de funcionamento:
Segunda a Sexta: Almoço – 12:00 às 15:00 / Jantar – 19:00 às 24:00
Sábado: Almoço – 12:00 às 16:00 / Jantar – 19:00 às 24:00

Sofá Café – Feliz Aniversário!!!

Em homenagem aos 2 anos de aniversário do Sofá Café (Pinheiros), resolvemos dar uma passadinha. O difícil realmente foi chegar antes de fechar, por conta do trânsito caótico da cidade. No fim deu tudo certo, mas a minha vontade era de ter curtido o espaço por mais tempo.

Spoon_AG_0402O Sofá Café é simplesmente um charme!! Cada detalhe do ambiente dá vontade de ficar mais um pouco. Além do ambiente, o café é um grande elemento de destaque, com blend exclusivo.

Spoon_AG_0403Além do Espresso, pedimos o Bolo de Caneca (massa de chocolate coberta com Nutella e chantilly), indicação feita por um amigo, e perfeito para o dia que estava gelado! Delícia!!

Spoon_AG_0404O estabelecimento é perfeito para encontro com amigos, reuniões, ou simplesmente para curtir o cantinho com um bom café!!

Site: http://www.sofacafe.com.br/

Endereço: Rua Bianchi Bertoldi, 130 – Pinheiros (São Paulo)
tel.: 11 3034.5830

Horário de funcionamento:
De segunda a sexta-feira das 9h00 às 18h30
Sábado das 10h00 às 14h00
Domingos e feriados não abre.

MEATS, yeah!

Vamos que vamos, que hoje tem vários posts!!! Hehehe. Isso que dá a correria durante a semana.

Esta semana eu e a Paulinha fomos, finalmente conhecer o MEATS do chef Paulo Yoller. Milagre!!! Digo isso, pois sempre acontecia alguma coisa e não conseguíamos ir. Chegamos quase na abertura de quarta-feira, um pouco de 19 horas. Algumas mesas já estavam ocupadas.

Spoon_AG_0408O ambiente é bem descontraído com decoração estilosa. Adorei todos os detalhes, até o banheiro, rs. De noite fica tudo meio escuro, como podem reparar nas fotos. Quero visitar uma hora dessas de dia para ver qual a sensação.

Spoon_AG_0409Pedimos o BLT e o Pulled Pork. Queríamos a Vaca na Faca (Steak Tartar de entrecôte de gado piemontês), mas segundo o garçon, não é muito fácil conseguir a matéria prima. Deixamos o email para ver se conseguimos experimentar numa próxima vez. Olha aí o BLT!!

Spoon_AG_0410O BLT (R$ 24) estava ótimo, a carne perfeita, no ponto, vermelhinha no meio!! Pão de hamburger, hamburger, cheddar, alface, tomate e bacon.

Spoon_AG_0413O Pulled Pork (R$ 29) foi uma surpresa, um hamburger de porco desfiado no molho BBQ meio agridoce, cheddar, cebola roxa e alface americana. Estava bom demais!!!

Spoon_AG_0411E claro, os bastidores: a nossa bagunça para experimentar os dois hamburgeres!! hahaha

Spoon_AG_0412Fechamos a noite com o NY Cheesecake!! Ótima pedida!!

Spoon_AG_0414Recomendo!! Ainda tem uma longa lista de pratos que quero experimentar além da Vaca na Faca.

O site não tem muita informação, então sugiro a página do Facebook: https://www.facebook.com/MEATS320?ref=ts&fref=ts

Endereço: Rua dos Pinheiros, 320 (esquina com Rua Joaquim Antunes). Tel: (11) 2679-6323.

Horário de funcionamento:

Ter – Qui: 12:00 – 15:00, 19:00 – 00:00
Sex: 12:00 – 15:00, 19:00 – 01:00
Sáb: 12:00 – 01:00
Dom: 13:00 – 00:00

 

XVI Festival do Japão

Hoje foi o último dia do XVI Festival do Japão no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo. Aproveitei o meu único dia de folga da semana para visitar o evento. Realmente não lembro se foi a minha primeira vez ou se fui há muitos anos atrás, mas estava bem curiosa para visitar. Fui com o meu irmão e a namorada dele, e ainda encontramos com a nossa mãe que estava trabalhando em um dos stands.

Meu irmão recomendou que saíssemos cedo, com intenção de chegarmos já na abertura, às 10 horas. Bem, com os atrasos de sempre, chegamos às 10:30, e olha só a fila na ponte sobre a Imigrantes.

Spoon_FestJapao.2013_001Ainda bem que ele decidiu estacionar o carro na rua antes de atravessar a ponte… E da ponte a visão da fila de carros para o evento no acostamento da Imigrantes.

Spoon_FestJapao.2013_002O dia estava prometendo, ainda mais com esse sol lindo!! Finalmente chegamos ao evento.

Spoon_FestJapao.2013_042Achei ótima a organização e agilidade dos caixas na entrada.

Spoon_FestJapao.2013_003De cara algumas peças de cerâmica, adoro. Mas não encontrei nenhuma peça que realmente tivesse vontade de comprar.

Spoon_FestJapao.2013_005Ah, o choux cream, muito cara de Japão, bate até uma saudade.

Spoon_FestJapao.2013_006Claro que não poderia faltar os bentozinhos, né!

Spoon_FestJapao.2013_008E o oniguiri! Infelizmente o sistema de soltar o nori fresco não era eficiente como do Japão.

Spoon_FestJapao.2013_011Ai, as japonices, adoro-los!!! huahuahua… Miniaturas de comidinhas nipônicas, ímãs de geladeira e chaveirinhos. Difícil de resistir!! Olha esses sushis!!! Ahhhhhhh

Spoon_FestJapao.2013_013Mais japonices? Ahá, o assento de vaso sanitário high tech – duchinha para limpar as partes íntimas (kkkk), aquecedor, sonzinho para encobrir os sons naturais…

Spoon_FestJapao.2013_017Mais japonices, bichinhos de personagens famosos, roupas, chapéus, uma loucura!

Spoon_FestJapao.2013_019Japonices da japa! hihihi

Spoon_FestJapao.2013_020Mais japonices, gatinhos da sorte! Fora as balinhas e chicletes, gostinho de infância!

Spoon_FestJapao.2013_021Frutas e verduras também costumam estar presentes em eventos japoneses. No Japão as frutas costumam ter valor bem alto, além de serem absolutamente perfeitas. Olha, tinha muita coisa boa, frutas bem graúdas e doces.

Spoon_FestJapao.2013_010Stand da Suntory. Hmmmm… umeshuuuuu…

Spoon_FestJapao.2013_015E esse tiozinho com a maquiagem borrada, parecendo um bêbado? kkkk… Rachamos o bico!!

Spoon_FestJapao.2013_023Essa não resisti também, eita soninho, heim!! Muito coisa de japa, hihihi

Spoon_FestJapao.2013_026Aulas de Shodô, muito lindo!! Um dia gostaria de fazer aula.

Spoon_FestJapao.2013_027Não consegui tirar a foto da apresentação de Taiko, mas estava muito massa, envolvente. Essa é outra coisa que gostaria de aprender um dia. Ai, ai, tanta coisa que ainda quero aprender na vida… haja vida! rs.

Ah, e adivinha o que finalmente encontrei? Yuzu!!!! Nem acreditei quando vi. Estava procurando, mas não achava em lugar algum. Ele é muito aromático e combina com hiyashi udom, sushi, sashimi… usamos muito no Restaurante Kinoshita.

Spoon_FestJapao.2013_038E agora, vamos aos comes!!! A barriga já roncando animal, hehehe. O primeiro prato que pegamos foi o Takoyaki que gostamos muito. Estava bonzinho, mas não maravilhoso, já comi melhores na Liberdade. As bolinhas estavam miúdas e o tako (polvo) bem borrachudo.

Spoon_FestJapao.2013_031Depois experimentei o sakura moti diferente do que costumo comer. É bom, mas o outro com motigome acho bem mais saboroso.

Spoon_FestJapao.2013_033Esse é o Harakomeshi da província de Miyagui – arroz com salmão e ovas de salmão, gostei da combinação, apesar do salmão estar meio seco para mim. Muito legal experimentar sabores novos!!

Spoon_FestJapao.2013_034Depois fui para o Gydon, estava com saudade do PF japa, hehe.

Spoon_FestJapao.2013_035De sobremesa, o Ichigo Daifuku (massa de araruta recheada com morango e anko) da província de Mie.

Spoon_FestJapao.2013_036Olha por dentro, tá certo que cortei com o hashi e ficou essa gororoba, mas dá para entender, né? rs. É legal que o azedinho do morango ameniza o doce do anko (feijão azuki, doce)

Spoon_FestJapao.2013_037Mais sobremesas… Anmitsu da província de Aichi. Não estava patrão, frutinhas meia boca, mas deu para matar a vontade. Definitivamente preciso aprender a fazer isso em casa! Estou viciando nisso.

Spoon_FestJapao.2013_039Ah, e essa tosquice não ia deixar passar batido… Afeeeee… Sério? Nikumam = Esfiha Chinês? Vergonha alheia total!!! Uiiiii…. Menas….

Spoon_FestJapao.2013_040E para finalizar, uma bandejinha de docinhos sortidos. Não são tão bons, mas são divertidos.

Spoon_FestJapao.2013_045

Uma coisa que achei ruim da parte gastronômica é que havia muitos pratos repetidos que predominavam nas barracas das províncias – yakissoba, tempurá e gyoza, talvez para se adequar melhor ao paladar do brasileiro. Senti muita falta de pratos realmente típicos, por exemplo, de Okinawa.

Saímos do evento lá pras 14 horas, o evento lotou de uma forma que mal dava para caminhar, estava realmente ficando desagradável. O trânsito então… Olha só o estado no viaduto.

Spoon_FestJapao.2013_043Engraçado que na hora que estávamos chegando, um monte de japoneses também estavam chegando, e já de tarde predominava o público de ocidentais chegando. Diferentes hábitos!

Este ano acabou, mas para quem quer aproveitar melhor o evento sem se estressar, recomendo fortemente que vá cedo, pois é possível ver tudo com calma, e ver mesmo. De tarde fica um formigueiro humano, mal dá para ver o que está sendo exposto. Além disso, as filas para as barracas de comida vão ficando cada vez piores.

Ansiosa pelo próximo evento!!!

 

Uhuu, saindo do forno super Macarons… Só que não! kkk

Foi pesquisando coisas gostosas pelo mundo que me deparei com  o Macaron em 2011. Depois de horas pesquisando o que era exatamente isso, encontrei o site Serious Eats e a matéria “Introduction to French Macarons“, achei bem legal, e logo me levou ao nome Ladurée e passei a ficar obcecada, queria de qualquer jeito experimentar os macarons deles. E quem diria, meses depois pude encomendar para uma pessoa que passaria por Paris. Não achei que seria muito inconveniente, já que é bem leve, heheh. E olha o que chegou. Fortes emoções e grandes expectativas… Que mimo, não?

IMG_0236E rufem os tambores…. (no fundo estava pensando, será que chegaram inteiros???? kkkk)

IMG_0239E não é que chegaram praticamente inteiros? Quem diria!! Coisas mais lindas!!! Confesso que as com geléia de frutas não gostei, mas os mais tradicionais, simples, com creme à base de manteiga me proporcionaram uma sensação inesquecível. Era como se flutuasse no ar de tanto prazer e felicidade!

IMG_0243O complicado é que depois disso, passei a ter desejos por macarons… Um problemão, ainda mais por serem caros! rsrs. Decidi tentar fazer em casa, apesar de vários sites informarem como é complicado. A primeira vez? A massa…

COOK.2011_018O forno… Até aqui parece que está indo…

COOK.2011_019E o resultado… ãhn… So sad… Isso nem de perto parece um macaron… Béeeeeee…

COOK.2011_020Mas olha que engraçado, dependendo da região do forno, as formas eram diferentes. Repare que o da esquerda já tem mais a carinha de macaron, inclusive com a famosa bordinha na base. Mas não estava bom, estava é oco…. Béeeee 2…

COOK.2011_021Continuei pesquisando e achei que o principal problema poderia ser a temperatura do forno. Tentei novamente. Será? Será??? Tão bonitinho…

COOK.2011_040Não… não foi! Oco novamente, apesar do gosto ser muito bom.

COOK.2011_042Pensei, se eu não consigo abaixar a temperatura desse forno (que é mais forte que o normal devido a adaptação), acho melhor deixar para quando tiver um forno adequado.

Mas não deixei de ter a vontade de sentir novamente aquela incrível sensação proporcionada pela Ladurée. E assim, sempre que podia tentava experimentar em algum estabelecimento. Até recebia de presente por conta da minha obsessão.

Os macarons da Pâtisserie Douce France do Shopping Morumbi, apesar de caro, já decepcionou de cara com a embalagem de padoca da esquina.

Mac_30.07.11_002Os macarons em si, não causaram frisson, apesar de bem bonitos.

Mac_30.07Ganhei macarons do Opera Ganache do Pão de Açúcar do Shopping Iguatemi. Eram lindíssimos, mas duros, bolachudos, quase cookies. Decepcionou…

Fui tomar café da manhã no Paris 6, um estabelecimento charmosíssimo, veja a fachada.

O café da manhã é farto com várias opções de pães, doces, frios, e ainda fazem na hora tapiocas, omeletes e panquecas com recheios variados. E claro, havia macarons, achei espetacular… até tentar pegá-los para colocar no prato. Me senti naqueles jogos de palitos, em que precisamos tirar um sem deixar tudo desmoronar. Sério, os macarons desmoronavam, impossível segurar. Imagine, se a foto de divulgação já aparece com vários desmontando, não foram simplesmente o azar de ter pego algum lote com problemas.

Paris6_02

Fonte: Paris 6

Ganhei ainda uma caixa de macarons de uma amiga, se não me engano, feito em Poá. Olha até onde está indo esta história, kkkk.

CasaBonfa_2012_039O de limão (verde) estava muito bom, apesar de ter achado o sabor um pouco forte demais, encobrindo demais as amêndoas. E pena, mas estavam um pouco ocas também, mas não desmoronavam como os do Paris 6. Talvez um pouco de inconsistência na quantidade de recheio.

CasaBonfa_2012_041Até que um dia vi o anúncio de aulas de macarons gratuitos no Viver Casa & Gourmet. Pensei, não custa ir lá e ver se me animo a tentar fazer em casa novamente. Olha o que nos serviram. Sério mesmo? Piada, né? Primeiro a quantidade monstruosa de ganache que acabou dominando completamente e percebam que foi bem preenchida para disfarçar o oco que ficou na massa… Malandrinhos… hahaha…

Spoon_AG_0155E a massa? Oca…. Béeeeeee…

Spoon_AG_0157Conclusão até o momento: o preparo de macaron de primeira é para poucos! Observando que não é suspiro nem cookie, certo? kkkk. E não, nenhum, até o momento, para mim, superou ou se igualou ao Ladurée. Complicado esse negócio, né?

Ah, sei, abriu a loja Ladurée no Shopping JK… Mas pagar o que eles estão cobrando? Sério? Se tem dinheiro para gastar desta forma, por favor, vá até Paris! kkk